Emparn tenta multiplicar rebanho com fertilização in vitro - Seridó 360

Post Top Ad

test banner

quarta-feira, 10 de julho de 2019

Emparn tenta multiplicar rebanho com fertilização in vitro


Na última semana de junho, na Estação Experimental Felipe Camarão, localizada na Fazenda Rockfeller em São Gonçalo do Amarante/RN, foram implantados 20 embriões da raça Guzerá, de aptidão leiteira, em 20 vacas receptoras. O objetivo da ação é multiplicar o rebanho bovino da Emparn, e, para isso foi utilizado o processo de fertilização in vitro integrante do Projeto “Leite e Genética do RN”, desenvolvido pelo Sebrae/RN em parceria com o Instituto BioSistêmico – IBS.

“Iniciamos no começo de junho o protocolo de sincronização de 20 receptoras bovinas (mães de aluguel) na nossa estação em São Gonçalo do Amarante. No último dia 20, foram aspiradas oito matrizes da raça Guzerá selecionadas da melhor família do rebanho, os ócitos coletados foram fecundados no Laboratório da IBS com sêmen sexado de reprodutores selecionados entre os melhores do país com aptidão leiteira e esses embriões gerados foram implantados nas mencionadas receptoras”, explicou o pesquisador Embrapa/Emparn, Guilherme Ferreira da Costa Lima.

A disponibilização de material genético de alto valor – que envolve alta produtividade e adaptação ao semiárido potiguar – é uma das missões da Empresa, que tem o reconhecimento nacional dos seus rebanhos bovinos, pelo seu valor genético, em função de quase 30 anos de seleção.

“Por meio dos leilões que realizamos nas exposições agropecuárias disponibilizamos para os produtores de todo o RN a oportunidade de começar ou ampliar o seu rebanho com um animal com alto valor genético o que lhe proporciona uma maior produtividade pela sua qualidade genética e sua adaptação a nossa região”, destacou o Diretor Presidente da Emparn, Rodrigo Maranhão.

Leilões

Já foram realizados em 2019, três leilões de animais bovinos, um em Caicó e outro em Currais Novos, onde foram comercializados 21 animais, gerando um apurado de mais de R$ 125 mil. Até novembro ocorrerão mais três leilões, em Mossoró, Parnamirim e São Gonçalo, conforme calendário do Circuito Estadual de Exposições Agropecuárias do Governo do RN, por intermédio da Secretaria Estadual de Agricultura e Pesca do RN com recursos do Projeto Governo Cidadão. “A venda desse animais, matrizes e tourinhos do nosso plantel, é feita de forma parcelada o que facilita a aquisição desses animais por pequenos e médios produtores”, explicou Maranhão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

test banner