Professora do RN é selecionada para curso de aperfeiçoamento nos EUA - Seridó 360

Post Top Ad

test banner

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Professora do RN é selecionada para curso de aperfeiçoamento nos EUA


Professora da rede estadual de ensino do Rio Grande do Norte foi selecionada para participar do programa Fulbright Distinguished Awards in Teaching Program for International Teachers 2019-2020 (Fulbright DAI), iniciativa internacional de aperfeiçoamento para professores de língua inglesa das redes públicas de ensino. Aprovada com o status de Finalist, a docente potiguar realizará um curso de aprimoramento em um período de cinco meses nos Estados Unidos da América (EUA).

Docente de língua inglesa da Escola Estadual Mascarenhas Homem, localizada no bairro de Lagoa Seca, em Natal, Alana Rocha foi aprovada na seleção que envolve docentes efetivos das redes públicas de ensino de 15 países. Durante o período de janeiro a maio de 2020, a professora participará, junto com os demais selecionados, de um curso de aperfeiçoamento em língua inglesa, que acontecerá em uma universidade norte-americana.

Com duração de um semestre acadêmico, o programa oferece atividades como aulas e treinamento intensivo sobre metodologias e estratégias de ensino, planejamento de aula, liderança, bem como o uso de tecnologias em educação. Além disso, as atividades também incluem um estágio supervisionado em uma escola americana de ensino médio, na qual os participantes do Fulbright DAI terão a oportunidade não só de praticar os novos conhecimentos adquiridos, mas também de entrar em contato com a cultura local.

Para Alana, participar de programas de aperfeiçoamento em sua área e que promovam intercâmbio cultural e acadêmico são de grande importância para vida do educador. “Considero muito importante que meus alunos entendam que estou sempre buscando aprimoramento para poder oferecer o melhor como professora e que nunca, nunca mesmo, devemos parar de buscar e levar conhecimento. Quero que eles saibam que levo cada um deles para os EUA”, relata a educadora.

Etapas de seleção

A seleção realizada por Alana destinou-se a professores brasileiros e faz parte de um processo maior, e internacional, coordenado pela Fulbright DAI. Após a publicação do edital do processo de seleção, que neste ano aconteceu no mês de janeiro, as secretarias de educação dos estados participantes do programa realizaram uma seleção local.

No RN, essa etapa foi mediada pela Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte do Lazer (SEEC), por meio da Subcoordenadoria de Ensino Médio, que selecionou quatro candidatos a partir de um projeto individual, o Inquiry Project. Passada essa triagem inicial, as secretarias de educação de cada estado enviaram suas candidaturas a especialistas da Fulbright Brasil, que avaliam as propostas e entrevistam cada candidato.

Dentre os entrevistados nessa etapa, são selecionados aqueles que participarão do programa em 2020. Somente do Brasil foram selecionados sete professores de língua inglesa. Além do Brasil, também participarão do programa professores do Reino Unido, Grécia, México, Marrocos, Bangladesh, Israel, Indonésia, Índia, Finlândia, Singapura, Taiwan, Botsuana, Nova Zelândia, Senegal e das Filipinas.

Fulbright DAI

O Fulbright DAI é uma inciativa do Departamento de Estado dos Estados Unidos e seleciona, anualmente, professores efetivos de língua inglesa de diversos países para uma capacitação, cujo objetivo é aprimorar o ensino da língua inglesa, oportunizando aos participantes acesso a um conhecimento aprofundado das mais atualizadas práticas e metodologias de ensino.

Além disso, o programa também possibilita um conhecimento mais amplo sobre os Estados Unidos, bem como o intercâmbio e desenvolvimento de relações profissionais entre os educadores brasileiros e professores dos EUA e de outros países.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

test banner