Natal fica fora do top 100 de cidades para se fazer negócios no Brasil - Seridó 360

Post Top Ad

test banner

terça-feira, 14 de janeiro de 2020

Natal fica fora do top 100 de cidades para se fazer negócios no Brasil


Natal apareceu fora do top 100 em ranking que aponta as melhores cidades para fazer negócios no país. Dos quatro indicadores que compõem o ranking, elaborado pela Urban Systems, a capital potiguar só aparece bem em um deles. São Caetano, no ABC Paulista, foi apontada como a principal cidade para se fazer negócios do país. Os números correspondem à levantamento realizado no ano passado e foram divulgados nesta segunda-feira, 13, pela empresa.

A pesquisa avalia quatro recortes para apontar uma cidade como potencial para se fazer negócios: desenvolvimento econômico, desenvolvimento social, infraestrutura e capital humano, único que Natal apareceu bem rankeada, na 26ª colocação. O desempenho é oito posições pior do que em 2018, quando ficou em 18º lugar.

Este recorte corresponde à condição fundamental para o desenvolvimento de negócios e atração de empresas em diferentes segmentos econômicos, segundo aponta a Urban Systems. Aqui, Natal apresenta um Índice de Qualidade Mercadológica (IQM) – coeficiente levado em consideração após cálculos de diferentes indicadores – de 3,989. Neste recorte, Vitória, no Espírito Santo, lidera, com um IQM de 5,671, seguido de Florianópolis (5,554) e São Caetano do Sul (5,314). A capital potiguar aparece como o terceiro maior índice do Nordeste nesse indicativo, ficando atrás de Recife (4,304) e João Pessoa (4,257).

Já nos índices de desenvolvimento social, desenvolvimento econômico e infraestrutura, a capital potiguar não apareceu entre os 100 municípios com melhores IQM. A pesquisa considerou apenas municípios com mais de 100 mil habitantes em 2018, segundo estimativa da população do IBGE. Ou seja, aqui no RN foram considerados apenas quatro municípios: Natal, Mossoró, Parnamirim e São Gonçalo do Amarante. Ao todo, obedecendo essa premissa, a pesquisa considerou 317 dos 5.570 municípios brasileiros.

Por Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

test banner