Alcolumbre considera retirar de pauta LDO, após obstrução - Seridó 360

Post Top Ad

test banner

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

Alcolumbre considera retirar de pauta LDO, após obstrução


Antes mesmo do Plenário da Casa contabilizar o quórum mínimo necessário dos senadores (41) para abrir o painel da votação, os senadores presentes obstruíram a sessão. Para contornar a situação, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, negocia com os senadores retirar de pauta o item quatro, que trata sobre o veto presidencial da Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO) para a primeira semana após o Carnaval. As informações são do Congresso em Foco.

O Congresso iniciou a sessão destinada a analisar vetos presidenciais a projetos de lei. Dentre os vetos pautados, os congressistas irão analisar os vetos presidenciais aos R$ 42,6 bilhões do orçamento de 2020 que tratam da execução de emendas parlamentares de bancada e do relator-geral do Orçamento da União.

Os poderes Executivo e Legislativo chegaram ontem (11) a um acordo sobre os vetos presidenciais aos R$ 42,6 bilhões do orçamento de 2020 que serão discutidos na sessão de hoje. O relator do orçamento, deputado Domingos Neto (PSD-CE), disse ao Congresso em Foco que vai ser derrubado o veto ao caput – parte principal- do artigo, que dá aos congressistas poder na escolha da destinação das verbas. Ou seja, o Congresso manterá o poder na escolha das emendas em detrimento do governo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Top Ad

test banner